Ao investir em uma dieta vegetariana tradicional, você automaticamente vai passar a ingerir alimentos naturais, que são ricos em nutrientes importantes, como vitaminas e fibras, mas extremamente pobres em calorias, o que vai implicar no emagrecimento. Fazendo essa dieta de forma controlada, você irá começar a perder peso de forma rápida e constante, desde que tenha muita disciplina e não caia nas tentações.
Porém, o nutrólogo Reginaldo Rena ressalta que é de extrema importância fazer um desjejum completo e nutritivo, principalmente se você for realizar algum tipo de atividade física pela manhã. "Após ficar um período longo em jejum durante a noite, ao se exercitar sem estar alimentado, pode ocorrer a queda de açúcar no sangue (hipoglicemia) e o seu corpo começará a queimar músculo para gerar energia, perdendo massa muscular", alerta ele.
Pesquisas mostram que o chá oolong, um chá semi fermentado pode ter um efeito mais forte que o chá verde, promovendo queima de gordura até 157% melhor. O chá oolong bloqueia a oxidação em 50% em apenas 15 dias. Pesquisas sugerem que o chá oolong acelera o metabolismo, queima gordura e bloqueia a absorção de gordura. Além da perda de peso, ele é bom para diabetes tipo 2, pacientes com doenças cardíacas, reduz pressão arterial, previne apodrecimento dos dentes e melhora sua pele. Algumas pesquisas concluíram que o chá oolong reduz o colesterol e aumenta os níveis de adiponectina que te salva da epidemia da obesidade. Faça uma infusão do chá oolong em qualquer lugar por 30 segundos a 5 minutos, para uma xícara mais forte.
Há provas de que contribuem para o aumento do risco de doença cardíaca e cancro. "Carnes magras, pescado, laticínios magros e leguminosas têm uma digestão lenta e libertam gradualmente os amidos, o que lhes confere um índice glicémico mais baixo, tudo efeitos muito positivos, que se associam ao aumento da saciedade e à redução da produção de insulina", refere.
Este blog é para discutir, sob a ótica da nutrologia e da medicina do esporte, qual o impacto da alimentação sobre o nosso organismo, quais as suas relações com o exercício e como a suplementação pode ajudar. Afinal, todo dia existem novos artigos sendo publicados, novas verdades para serem aprendidas ou questionadas. A ciência nunca está parada, nem você deve ficar.
Este blog é composto por minhas opiniões pessoais, baseadas em auto-experimentação com dieta paleo, e também por artigos traduzidos - estes produzidos por estudiosos do assunto. As opiniões expressas aqui, minhas ou de outros autores, não podem substituir as de seu médico. O que funciona bem para mim, pode não funcionar para outras pessoas. Se você escolher seguir alguma das opiniões aqui publicadas, faça-o com o conhecimento do seu médico!
Uma menor porcentagem de gordura corporal tem benefícios de grande alcance em todo o corpo, principalmente na função cardíaca. De forma consistente, os estudos mostraram que as populações mórmons apresentam menor mortalidade cardíaca – geralmente atribuído ao fato de que as pessoas que seguem a religião não fumam, bebem ou comem grandes quantidades de carne. Além disso, os mórmons praticam jejum intermitente, o qual pode levar a uma redução nos níveis de colesterol – particularmente triglicérides, que o corpo usa para criar energia. Ter menos gordura corporal também tira tensão dos rins, reduzindo a pressão arterial e aumentando a produção de hormônios de crescimento no organismo. Combinados, esses benefícios maravilhosos podem significar uma melhoria significativa na função cardíaca.
Los investigadores del American Journal of Clinical Nutrition concluyeron que el extracto de té verde han demostrado aumentar el gasto de energía de 24 horas y la oxidación de las grasas, y en un período de 24 horas, el extracto de té verde aumenta la tasa metabólica en un 4%. También es importante tener en cuenta que los investigadores encontraron que los ingredientes combinados de té verde eran mucho más eficaces en este proceso que sólo la cafeína por sí mismo.
A autofagia (do Grego auto-, significa “próprio“, e phagein, significa “comer“) é um processo no qual o organismo se recicla a si próprio, garantindo a energia e “material” para o restauro celular. A autofagia é um processo fundamental na resposta do organismo ao stress, na eliminação de bactérias e vírus após infecções, no desenvolvimento embrionário e diferenciação celular e na eliminação de proteínas “danificadas” (fundamental para combater o envelhecimento e doenças associadas). A perturbação da autofagia está associada a doenças como a diabetes tipo 2, Parkinson, entre outras.
Aniversário Passatempo Verão Treino Livro vips Dinheiro Familia Crianças Myprotein Receita Boonzi Micabeauty Cosmétics Tendências Desporto Festa Moda Fit Cozinha Fitness Exercicios Ginásio Saúde Kenzo DIY Natal Pele proteina Solidariedade Férias Detox eucerin Receitas Workshop Maquilhagem Alimentação Eventos Felicidade Ajuda Video Dicas Dia dos Namorados Roupa Micabeauty Culinária Mineral casa Natural Mia diversao Beleza Vip Saudável Rubim Emagrecer Quadrelli by Monica Sofia Amor Filhos Cabelo Poupar

Alguns nutrientes encontrados na alimentação de um vegetariano podem evitar várias doenças. "O único nutriente que precisa ser suplementado em uma dieta vegetariana é a vitamina B12", pontua Dr. George. Todos os outros nutrientes podem ser encontrados nos vegetais. Com isso a pessoa evita essa deficiência e garante os benefícios de prevenção de doenças crônicas e degenerativas como o infarto, derrame, hipertensão, diabetes, obesidade e algumas formas de câncer.
A quantidade recomendada da bebida pode variar entre duas e três xícaras de chá por dia. Para preparar uma porção utilize cerca de três gramas da folha seca para 300 ml de água. Para preparar uma porção de chá branco utilize três gramas da folha seca para 300 ml de água. Aqueça a água até um pouco antes da fervura, cerca de 80º, depois desligue o fogo e coloque a planta dentro. Deixe descansar por cinco minutos, coe e consuma.
×