A autofagia (do Grego auto-, significa “próprio“, e phagein, significa “comer“) é um processo no qual o organismo se recicla a si próprio, garantindo a energia e “material” para o restauro celular. A autofagia é um processo fundamental na resposta do organismo ao stress, na eliminação de bactérias e vírus após infecções, no desenvolvimento embrionário e diferenciação celular e na eliminação de proteínas “danificadas” (fundamental para combater o envelhecimento e doenças associadas). A perturbação da autofagia está associada a doenças como a diabetes tipo 2, Parkinson, entre outras.
Estou fazendo a exclusão de carne vermelha da minha vida, não é fácil estou contando com ajuda de uma nutricionista pois no começo eu sentia muitas dores de cabeça, fome, agitação, ai percebi como a carne estava me fazendo mal, é como se fosse uma droga. Hoje estou 2 anos sem comer carne vermelha, peixes, frango, não me adaptei a carne de soja é horrível aquilo, só como muito pouco ovos e queijos, me sinto melhor e não quero desistir. Não consegui largar a maldita cerveja ai me dá vontade louca de comer carne, então comecei a tomar cerveja sem álcool em casa, e como um queijo magro como petisco, o problema é nas festas de final de ano, tem que se policiar. O inicio é chato, dolorido, mas no final emagreci 10 kg em 6 meses, colesterol ficou ótimo, glicose, e a pressão arterial normalizou.
Um dos benefícios do chá de aipo é que é um ótimo diurético, isso se deve a que possui potássio, mineral que têm uma capacidade diurética, o que previne a retenção de líquidos. Esta ação permite que o organismo funcionar corretamente, ao mesmo tempo em que elimina as toxinas acumuladas. Esta característica também se lhe atribui a que possui óleos essenciais, como o limoneno, a asparagina e o selineno.
Ao não receber energia dos alimentos, para se manter funcionando, o organismo busca seu combustível em reservas de glicose no fígado e nos músculos. A questão é que essas reservas acabam em 12 horas e, a partir daí, o corpo começa a perder massa muscular. Quando acompanhado por um profissional, ele ajustará a ingestão proteica na dieta, fornecendo o suporte nutricional necessário para evitar essa perda.
sei diferenciar FOME de VONTADE como de tudo e continuo emagrecendo cada dia mais,pesava 87kg hoje estou com 78,faço acompanhamento com nutri ,malho de manhã ,musculaçao,a noite 3x na semana vou pra rua com personal,mas 100% é realmente alimentação,precisa termos uma consciencia ,desde quando nao queremos gordura no corpo,TMB NAO DEVEMOS INGERI-LAS ,é maravilhoso ver o resultado,.DIETA+TREINO=FELICIDADE
De acordo com Sabrina, a carqueja é outra planta que pode auxiliar no processo de emagrecimento. “O chá é feito em infusão com as hastes da planta, possui um gosto amargo. Ela é indicada para auxiliar no emagrecimento por ter efeitos diuréticos e laxantes. Também é usada para combater problemas hepáticos, digestivos e no controle da diabetes”, diz.

Quando se trata de perder gordura, uma dieta vegetariana é duas vezes mais eficaz do que a carnívora. De acordo com novo estudo, publicado no periódico científico Journal of the American College of Nutrition, essa alimentação acelera o metabolismo reduzindo fatores de risco da síndrome metabólica e diabetes tipo 2, como contribui para o alcance da perda de peso almejada, melhora o controle da glicemia e aumenta a sensibilidade à insulina.
Além disso, seguir dieta vegetariana por conta própria, sem nutricionista, não emagrece e ainda traz problemas de saúde, lembra Marcela. O organismo começa a ficar pobre em vitamina B12, em proteínas de alto valor biológico e em ferro-heme, aquele mais bem absorvido. Resultado: anemias; pele flácida e sem vida, palidez acentuada, cansaço, apatia, menor percentual de massa muscular, unhas quebradiças e queda de cabelo.

Además, el té verde contiene tres componentes principales, es decir, catequinas, cafeína y teanina que promueven la pérdida de grasa. Los estudios sugieren que los compuestos de té verde promueven la pérdida de grasa al inhibir la lipasa gástrica y pancreática, las enzimas que digieren los triglicéridos y la sintetasa de ácidos grasos, la enzima responsable de la síntesis de ácidos grasos en la forma en que pueden almacenarse en las células adiposas del cuerpo.
Mas, será que esse método realmente é saudável e traz benefícios para o organismo? É o que muita gente vem me perguntando, desde que publiquei a matéria. E, como sempre que me questionam eu faço questão de responder, fui à busca de informações sobre as vantagens do jejum intermitente, e é o fruto dessa minha pesquisa que compartilho agora com vocês.
Para o jejum começar a fazer efeito e a trazer benefícios, Polesso afirma que é preciso ficar mais de 12 horas sem comer. Ele costuma indicar o protocolo 16/8, no qual o paciente permanece 16 horas em jejum e faz todas as refeições no período de 8 horas, mas existem pessoas que ficam até 24 horas sem se alimentar. “Quem costuma jantar às 20h, por exemplo, pode pular o café da manhã no dia seguinte e almoçar às 12h", explica. "O paciente ficará 16 horas sem comer, incluindo o tempo em que estiver dormindo.”

"Os resultados que temos visto neste estudo são semelhantes aos observados em outros estudos sobre o jejum intermitente - explica Kristina Varady, a autora do estudo - mas um dos benefícios da dieta 16:8 poderia ser uma maior facilidade de execução em médio-longo prazo. Observamos que menos participantes deixaram este estudo em comparação a outros em outras dietas".
Participaram do estudo 27 pessoas, que foram divididas em dois grupos que deveriam seguir a dieta 5:2 ou uma dieta diária de restrição calórica. Os indivíduos sob a dieta 5:2 comiam normalmente por cinco dias e nos dois dias de jejum consumiam 600 calorias. Já aqueles na dieta diária foram aconselhados a reduzir as calorias diárias: as mulheres ingeriram cerca de 1400 calorias, e os homens, aproximadamente 1900 calorias/dia.
abóbora acompanhamentos amêndoa antioxidantes arroz avelâ azeite bacalhau bolos e bolachas carne chocolate coco couve-flor curgete diabetes dieta entradas farinha de coco frango frutos vermelhos gorduras hipertensão arterial hormonas Insulina lanche leite de coco linhaça low carb manteiga mitos Natal noz ovos paleo pequeno-almoço perda de peso proteína pão refeição principal saudável sem glúten sobremesas sono sopas óleo de côco
A proteína alimenta os músculos e ajuda a construir mais massa muscular magra. Pois é processada mais lentamente do que os hidratos de carbono, ajuda você a se sentir saciado por mais tempo, então você comer menos. Ele também dá energia sustentável ao longo do dia, é por isso que os atletas escolher para comer proteína durante a maratona de corridas para manter seus níveis de energia elevados.
4. Coma à noite, sim! - outro mito que precisa ser derrubado agora - e já vai tarde. Ficar sem comer à noite ou não comer carboidrato no jantar não vão trazer bem algum para sua perda de gordura, especialmente se você se exercita pela manhã. Só o café não vai dar conta de te alimentar o suficiente e, de novo, o organismo vai lá na massa magra pra procurar energia. “Não há diferença se você consumir carboidrato de dia ou à noite, desde que esteja em quantidade adequada. À noite, prefira alimentos menos calóricos, com baixo teor de gorduras e de fácil digestão”, aconselha Paula Castilho.
Quando se faz refeições pequenas a toda hora, o corpo está constantemente produzindo insulina e nunca chega ao estágio de queima. Além disso, nunca vai se sentir 100% satisfeito. Por isso, em vez de fazer de cinco a seis refeições pequenas por dia, faça três refeições principais maiores e dois lanches. É a mesma ideia ajustada para ser mais eficaz.[5]
Os pesquisadores acompanharam 74 pessoas com diabetes tipo 2 que foram divididos em dois grupos, recebendo duas dietas distintas – uma antidiabética, seguindo recomendações da Associação Europeia para o Estudo da Diabetes (EASD), e a outra vegetariana, consistindo em frutas, vegetais, nozes, sementes, grãos e legumes, com produtos animais limitados a uma porção diária de iogurte com baixo teor de gordura.

sou vegetariana a 5 anos, por amor aos animais, uma vez vi uma materia na TV sobre vegetarianismo, teve depoimentos de vegetarianos, que explicavam sobre a decisão de excluir a carne de seu cardapio e tals, mas na epoca oque mais me chocou foi o vdeo de um porco sendo morto, e aquele foi o maior incentivo que eu tive para ser vegetariana, sempre que eu pensava em comer carne ( coisa que eu amava na epoca) me vinha na cabeça as imagens daquele porco sendo morto e desde netao eu nunca mais tive vontade de comer carne.
No que respeita à dieta alimentar e ao excesso de peso, o chá de gengibre pode atuar de duas maneiras diferentes; Por um lado, as escolhas alimentares pobres e um elevado tecido adiposo (gordura corporal) são mais propícios a ativar o sistema imunitário e aumentar a inflamação e a dor, neste caso, o chá de gengibre irá intervir na redução da dor e da inflamação em indivíduos que sofrem de dores crónicas e outras doenças mediadas pela inflamação.
“Esse dado mostra que, para emagrecer, não é preciso passar por um processo que muitas vezes causa desconforto”, analisa a endocrinologista Maria Edna de Melo, presidente da Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica (Abeso). Que o digam os voluntários de Illinois. “O jejum intermitente teve maior índice de rejeição entre os que seguiram esse plano”, nota o biólogo Bruno Chausse, pesquisador do Laboratório de Metabolismo Energético do Instituto de Química da Universidade de São Paulo (USP).

É muito fácil preparar o chá verde, mas há alguns segredinhos importantes para você preservar os princípios ativos da erva. Vamos lá: coloque a água para ferver e assim que surgirem as primeiras bolhas de ar (antes de começar para valer o processo de ebulição), apague o fogo. Acrescente a erva (o ideal são 2 colheres de sopa para 1 litro de água, mas comece com apenas 1 colher, pelo menos até você se acostumar com o sabor do chá) e abafe por 2 ou 3 minutos. Depois é só coar e tomar.


Frutas – Frutas são a resposta da natureza ao desejo por doces. Elas são cheias de açúcares não refinados e tiram o desejo de comer açúcar quase instantaneamente. Ao invés de comer suas frutas da maneira que normalmente come, inteiras e cruas, tente adicioná-las a uma salada ou usá-las em forma de purê para um molho ou marinada. Frutas grelhadas também são deliciosas e completamente aceitáveis em uma dieta vegetariana. Você também pode usar sucos como bebida (como na dieta de sucos e tomando sucos para perder peso é considerada uma opção saudável).
Quando se fala em emagrecer e queimar gordura, a primeira palavra que vem à cabeça da maioria das pessoas é dieta. Mas essa é exatamente a palavra que deve ser retirada do vocabulário, conforme explica Rodrigo Polesso, especialista em Nutrição Otimizada para Saúde e Bem-Estar pela Universidade Estadual de San Diego, Califórnia (EUA), e líder do movimento Tribo Forte. “O que você precisa é transformar seu metabolismo e definir um estilo de vida capaz de destreinar seu corpo a acumular gordura”, conta. A recomendação do especialista? Seguir estas 7 atitudes:
Tenha, no entanto, em conta que os alimentos com elevado índice glicémico provocam níveis altos de insulina, que "encorajam o corpo a armazenar gordura e aumentam o risco de cancro", justifica o autor. Além disso, quando a glicemia cai a pique, sente-se muita fome. É desaconselhado o boicote total dos hidratos de carbono e um elevado teor de proteínas permanentemente, uma vez que geram abandono da dieta.
A duração de tempo que você vai precisar ficar em uma dieta rica em proteínas depende das suas necessidades nutricionais. Algumas pessoas preferem ficar em uma dieta vegetariana por pouco tempo enquanto passam por um procedimento médico ou para perder peso. Outros seguem a dieta para o resto de suas vidas. Por quanto tempo você vai participar depende de você.

2. Inclua carboidrato e gordura no prato - esqueça as dietas da moda que eliminam um grupo alimentar da sua vida. Seu organismo precisa de carboidratos, lipídeos (gordura) e proteínas para funcionar direito. O segredo é escolher direito quais alimentos com esses nutrientes você vai consumir. Prefira as farinhas integrais, os lipídeos ricos em ômegas, como castanhas e abacate, e proteínas magras. “Quando fazemos dietas hiperprotéicas e sem carboidratos, utilizamos o músculo como fonte de energia”, explica a endocrinologista da clínica Nuclehum Flávia Ribeiro Funes.
Uma pesquisa publicada no American Journal of Clinical Nutrition, conceituada revista da Sociedade Americana de Nutrição, acompanhou dois grupos de gordinhos. Os dois seguiram um cardápio de baixa caloria. Mas só o primeiro bebeu de seis a oito xícaras de chá verde por dia. No final do estudo, esses pacientes queimaram 4% a mais de gordura que o grupo que passou longe do chá.
Os pesquisadores acompanharam 74 pessoas com diabetes tipo 2. Os participantes foram divididos em dois grupos que receberam diferentes dietas, sendo elas uma típica dieta antidiabética, seguindo recomendações da Associação Europeia para o Estudo de Diabetes (EASD), e uma dieta vegetariana. A segunda opção consistia em frutas, vegetais, nozes, sementes, grãos e legumes, com produtos animais limitados a uma porção diária de iogurte com baixo teor de gordura.
Um dos benefícios do chá de aipo é que é um ótimo diurético, isso se deve a que possui potássio, mineral que têm uma capacidade diurética, o que previne a retenção de líquidos. Esta ação permite que o organismo funcionar corretamente, ao mesmo tempo em que elimina as toxinas acumuladas. Esta característica também se lhe atribui a que possui óleos essenciais, como o limoneno, a asparagina e o selineno.
Tudo levado em consideração, jejum é uma maneira efetiva de perder gordura corporal. Não é o único modo, e não é "obrigatório" para a abordagem primal, mas muitos na comunidade descobriram que é muito útil e a literatura os suporta. Se você está procurando acelerar a sua perda de gordura, jejuar pode ser o bilhete premiado. Para ter idéias, veja o meu artigo sobre vários métodos de jejum.
Das wöchentliche Programm bietet viel Abwechslung und weicht damit von den Standard-Methoden wie „16-8“, bei der man das Frühstück oder das Abendessen ausfallen lässt, ab. Die größere Varianz und Variabilität beim Fasten fordert den menschlichen Körper im Gegensatz zu den immer gleichen Fastenintervallen noch mehr und macht ihn noch belastbarer und flexibler. Die Fastenzeiten des Coaches sind daher von Woche zu Woche unterschiedlich lang, und werden zu verschiedenen, zu Deinem Tagesablauf passenden Zeiten vorgeschlagen.

Em conclusão, se já tivesse sido descoberto o método ideal de perda de peso, não continuaríamos em busca de novas abordagens. O essencial neste objectivo é que opte pela solução que melhor sirva a sua motivação, a sua preferência e a sua capacidade de a cumprir, pois os resultados poderão, na maioria dos casos, ser muito semelhantes entre as várias opções.
Sou vegetaria a dois anos e não me vejo mais comendo nenhum tipo de carne. Sempre gostei muito de qualquer tipo de animal, então viajei para Bonito e lá decidir não comer mais carne. É uma grande hipocrisia pessoas amarem os animais, lutarem por sua causa e os comerem. As pessoas amam seus animais de estimação então porque não amar a todos… vegetarianismo é uma grande prova de amor!! Parabéns a todos os vegetarianos.

A gordura corporal em excesso é prejudicial para o nosso corpo e realmente é preciso eliminá-la. Mas o que acontece é que, muitas vezes, a pessoa acaba investindo em dietas que fazem com que sejam perdidas mais água e massa muscular do que gordura. Por isso, quando se fala em emagrecimento, deve-se considerar menos o que a balança mostra e mais o que o seu corpo te diz. A perda de peso saudável é aquela em que acontece apenas a eliminação de massa adiposa.

É rico em fibras, nutriente que ajuda no funcionamento do intestino e reduz a absorção de gordura e carboidratos. Isso acontece porque as fibras são digeridas mais lentamente, inibindo a produção de insulina. E quanto maior for o pico de insulina, mais facilmente a gordura será absorvida e acumulada, as fibras também aumentam a sensação de saciedade, fazendo a pessoa comer menos.
Embora muitas pessoas bebam chá apenas por sua qualidade calmante e sabor, cada xícara também pode ajudar com o emagrecimento. Substituir bebidas de alto teor calórico, como suco ou refrigerante, por chá pode ajudar a reduzir a ingestão total de calorias e pode levar à perda de peso. Além disso, muitos tipos de chá são especialmente ricos em compostos benéficos para todo o corpo.
Ao fazer a infusão é muito importante não deixar a água ferver. Coloque a água no fogo e espere formar as primeiras bolhas. Então, acrescente duas colheres de sopa das folhas da erva na água, desligue o fogo e deixe por cinco a dez minutos, abafando. Para reduzir o efeito estimulante, experimente descartar essa primeira água e então repetir o processo. Depois de pronto, ele deve ser conservado em um recipiente de vidro na geladeira ou em garrafa térmica, e suas propriedades permanecem intactas por apenas 24 horas. Saiba mais sobre chá verde aqui.
×