Quando sua irmã morreu em junho de 2017, deixando para trás seus filhos, Henry, de 3 anos, e Sophia, de 7, Kevin recomeçou sua perda de peso novamente com a dieta 16:8, também conhecida como jejum intermitente. Do meio-dia às 20h da noite ele consome quantas calorias quiser. Isso o ajudou a perder os últimos 27 kg de sua perda de peso de 56,6 kg, que levou um total de 18 meses.
Viver sem carne parece difícil para a maioria das pessoas, porque estão acostumadas a consumir uma dieta regular de proteínas. No entanto, encontrar maneiras saborosas de conseguir os nutrientes que necessita não é tão difícil. Vegetarianos aproveitam os benefícios de uma dieta que tem baixo teor de gordura e sódio. Muitas pessoas também acham mais fácil controlar sua ingestão de glicose em uma dieta vegetariana.
Emagrecer rápido e sem esforço é uma promessa comum a várias dietas que proliferam na internet. Ficar em jejum, beber dois copos de água gelada ao acordar, cozinhar com óleo de coco são algumas das soluções para perder peso que circulam na rede. O grupo de checagem do GLOBO ouviu especialista e agora mostra o que é mito e o que é verdade nessas receitas supostamente milagrosas.
Um dos benefícios do chá de aipo é que é um ótimo diurético, isso se deve a que possui potássio, mineral que têm uma capacidade diurética, o que previne a retenção de líquidos. Esta ação permite que o organismo funcionar corretamente, ao mesmo tempo em que elimina as toxinas acumuladas. Esta característica também se lhe atribui a que possui óleos essenciais, como o limoneno, a asparagina e o selineno.

E eu gostaria de lembrar que para perder peso, você só precisa de uma coisa: ingerir menos calorias do que gasta. Isso é difícil mensurar, pois, para viver, para andar, para correr, para dormir, para tudo, nós gastamos calorias. Inclusive, hoje em dia as dietas atuais nem contam mais calorias. O que eu quero dizer é que não adianta fazer horas e mais horas, ou mesmo dias de jejum intermitente, e comer o que quiser, demasiadamente e sem qualidade nas janelas. Coma corretamente assim como em qualquer outra dieta.

Os pesquisadores analisaram 15 estudos feitos sobre as dietas vegetarianas ou veganas, e descobriram que estas levaram a uma perda de peso de mais de 3 quilos, independentemente da contagem de calorias ou de exercícios físicos. Entre os estudos, 11 diziam respeito a uma dieta vegana, exclusivamente, ao passo que os restantes se basearam em dietas vegetarianas.
Esta é também uma ferramenta mais eficaz do que a restrição calórica em longo prazo, que, muitas vezes, pode causar danos ao metabolismo. A perda de peso geralmente vai de mãos dadas com a perda de músculo – e, como o tecido muscular é o que mais queima calorias, ter menos músculo leva a uma queda na capacidade do organismo para metabolizar os alimentos. O jejum intermitente, porém, mantém seu metabolismo funcionando sem problemas, ajudando você a manter a sua massa magra.
Indivíduos que ingerem regularmente estes tipos de gorduras e evitam a gordura saturada (existente nas carnes gordas, lacticínios gordos, óleo de palma e óleo de coco) e hidrogenada (incluída em margarinas, biscoitos, bolachas, bolos, folhados e comida pré-confeccionada) têm menor incidência de doenças cardiovasculares e apresentam uma percentagem de massa gorda saudável e um estudo recente feito a indivíduos que realizavam treino cardiovascular, concluiu que a ingestão diária de 4 gramas de óleo de peixe durante 5 semanas, aumenta a utilização de gorduras durante este tipo de exercício.

Nos dias de jejum, os horarios das refeicoes ficam ao criterio de cada um. Michael Mosley optava por tomar o pequeno-almoco e jantar, com um intervalo de 12 horas. Mimi Spencer, por seu lado, fazia duas refeicoes e alguns petiscos. Nos cinco dias restantes, nao ha regras ou alimentos proibidos. A dieta destina-se a pessoas sem contraindicacoes, incluindo se sofrem de obesidade (com acompanhamento especializado) ou nao querem perder peso.
A Dieta Vegetariana pode ajudar você a alcançar uma variedade de objetivos de saúde incluindo perda de peso, benefícios cardiovasculares, controle de diabetes e gerenciamento da diabetes. A ideia básica por trás dessa dieta é eliminar carnes e se adaptar ao estilo de vida vegetariano. Isso pode ser difícil para pessoas que estão acostumadas a comer carne regularmente, mas os benefícios podem realmente valer a pena.
Pronta para ir atrás da flor? Calma, tem um detalhe importante: “O chá de hibisco é feito das flores e botões do Hibiscus sabdariffa, espécie diferente daquela ornamental, comum nos jardins”, alerta Maria de Fátima Ramos, médica homeopata e membro da Sociedade Brasileira de Fitoterapia (Sobrafito). Por isso, confira o nome científico da planta no rótulo. Outro detalhe: o chá sozinho, você sabe, não faz milagre. Ele deve ser associado a uma dieta. E não adianta tomar um chazinho para limpar o organismo e comer alimentos superindustrializados, cheios de toxinas.
Ultimamente ser vegetariano está se tornando muito comum entre as pessoas, algumas por motivos culturais, religiosos ou até mesmo por conta da saúde. Segundo uma pesquisa realizada em outubro de 2012 pelo IBOPE, cerca de 15,2 milhões de brasileiros se declaram vegetarianos. Isso corresponde a 8% da população do país. O estado do Ceará está no topo do ranking com a maior população vegetariana do Brasil, 350 mil pessoas.
Mas o que exatamente estaria por trás desta fantástica descoberta? Como é possível comer o que se quer sem se preocupar com as calorias? É exatamente isso que os cientistas estavam tentando descobrir, pois a maioria das intervenções de perda de peso focam na redução de calorias. Porém, este estudo mostra que padrões alimentares veganos e vegetarianos, sem restrição calórica, podem resultar em maior perda de peso do que aqueles que incluem carne.
Los investigadores del American Journal of Clinical Nutrition concluyeron que el extracto de té verde han demostrado aumentar el gasto de energía de 24 horas y la oxidación de las grasas, y en un período de 24 horas, el extracto de té verde aumenta la tasa metabólica en un 4%. También es importante tener en cuenta que los investigadores encontraron que los ingredientes combinados de té verde eran mucho más eficaces en este proceso que sólo la cafeína por sí mismo.

A quantidade recomendada de chá-mate é de cerca de um litro por dia no qual é utilizado 20 gramas das folhas de erva-mate ou entre 15 e 20 saquinhos de chá. É interessante dividir a bebida em porções de 330 ml e tomá-las durante ou antes das principais refeições, café da manhã, almoço e jantar. Sendo que o melhor é ingerir um pouco antes das principais refeições. Desta forma, as propriedades que diminuem a absorção de colesterol já estarão a postos no momento em que os alimentos chegarem e assim evitarão a absorção de colesterol no intestino delgado.
×