3. Melhora a aderência. Na maioria dos estudos avaliados, os participantes acharam que jejuar é uma maneira extremamente tolerável de fazer dieta, especialmente quando comparado com restrição calórica severa. Mesmo AB, o escocês do jejum, reportou muito pouca dificuldade durante o seu jejum de 382 dias. Se jejuar é mais fácil para você do que tentar laboriosamente contar calorias, jejuar vai ser o método de perda de gordura mais efetivo.

Ela ocorre através do processo de catabolismo da massa gorda (gordura corporal). Isto acontece quando há degradação de massa magra (tudo que não é gordura no corpo) ou gorda, sempre ocorre seguido de deficit calórico – quando são ingeridas menos calorias do que as necessárias, delimitadas pelo calculo do gasto calórico diário. De maneira mais simples, veja este exemplo que mostra o que é necessário para Marina eliminar gordura.
Existem vários protocolos de jejum: curtos (<24h) , prolongados (>24h) e até mais extensos (>3 dias). Pretendendo ser uma arma terapêutica simples, o período de jejum deve ser adaptado à situação clínica e também enquadra-se no quotidiano e preferências individuais. Ao contrário de seguir recomendações alimentares complicadas, fazer jejum é simples, económico, flexível e conveniente. Uma dica muito simples é jantar mais cedo, e sem qualquer esforço garantir pelo menos as 12h de jejum noturno.
A explicação é que a bebida tem ação lipolítica. Não só isso: “O chá verde acelera o metabolismo, desintoxica e facilita a digestão”, diz a nutricionista Vanderlí Marchiori, especializada em fitoterapia e colaboradora da Associação Paulista de Nutrição. Mas não vale dar um ou dois golinhos – você tem de se comprometer a, diariamante, tomar pelo menos cinco xícaras.

Sabrina Sato passou 14 horas sem comer para estar em forma no Carnaval. A atriz Deborah Secco chegou a ficar 23 horas em jejum para perder o peso que ganhou na gravidez. Passar alguns períodos de tempo sem comer é visto com bons olhos por nutricionistas e especialistas da área, que têm sugerido aos seus pacientes períodos de jejum intermitente, seja para perder peso, realizar um detox e até mesmo para ter uma melhor qualidade de vida.
Massa Muscular: algumas pessoas pensam que fazendo JI, perderão massa muscular. Assim como na alimentação normal, vai depender da quantidade e qualidade da comida ingerida. Quem treina e busca hipertrofia deve ter em mente que a alimentação durante as janelas devem suprir todas as necessidades para o aumento de massa magra. Se tudo estiver nos conformes, nenhuma grama de massa será perdida, possivelmente ocorrerá um aumento dela.
Em alguns casos, o especialista aconselha corrigir a alimentação antes de fazer o jejum intermitente. “Há pessoas que se alimentam de maneira incorreta há muito tempo e, quando começam a jejuar, se sentem para baixo, com fome e acabam condenando o método. Mas a culpa, nesses casos, é da alimentação. Antes do jejum ou ao mesmo tempo, é preciso adotar hábitos saudáveis.”

Algumas destas modas e novidades podem também ser bastante perigosas. Podem até parecer que funcionam durante algum tempo, mas depois o peso volta a repor-se. A falsidade fundamental em todas estas dietas da moda, como a dieta de Atkins, ou a dieta Zone, é a ideia de que de alguma forma as calorias dos hidratos de carbono são diferentes das calorias das gorduras e das proteínas. Isto é cientificamente ridículo. Toda e qualquer caloria que se ingere contribui igualmente para o eventual ganho de peso, quer seja proveniente de hidratos de carbono, gorduras ou proteínas.
Assim como Harvard, ela recomenda um cardápio com água, chás e pouco café, legumes, verduras, frutas, cereais integrais, leite e derivados magros, frutas oleaginosas, azeite extravirgem, ervas aromáticas, molho de tomate caseiro, vinho tinto moderado, suco de frutas (naturais), especiarias, peixes, frango orgânico, ovos caipiras ou orgânicos. E é a favor de até 300g de carne de boi magra por semana, divididas em duas a três refeições semanais.
Graduada pela USP, é especialista em saúde pública e mestre em gestão da clínica. Possui experiência em palestras e grupos educativos focados na prevenção e tratamento das doenças crônicas não transmissíveis e em atendimentos individuais personalizados. Apaixonada pela profissão, por novas experiências culinárias e por tudo o que leva a um estilo de vida saudável. Praticante de exercícios funcionais, Pilates e corrida nas horas vagas.
Tome café antes de malhar. Estudos mostram que a cafeína estimula o sistema nervoso (sem novidades até aqui) e aumenta os níveis de epinefrina, que se manifesta como uma descarga de adrenalina e envia sinais para seu corpo começar a quebrar tecido gorduroso. Então esses ácidos graxos estarão livres para serem usados no sangue.[11] Se quiser ver se funciona para você, tome uma xícara de café antes de se exercitar.
Emagrecer é apenas uma das vantagens do chá verde. Estudos feitos em importantes centros de pesquisa dos Estados Unidos e da Europa mostraram que também faz bem para a pele. Extraído da planta Camellia sinensis, tem altas concentrações de antioxidantes, considerados até mais potentes que os carotenos e as vitaminas C e E, substâncias que atuam contra as rugas precoces.

Consuma muita proteína e fibra. Você com certeza já ouviu isso antes: para perder gordura e começar a criar músculos, precisa de proteína. O corpo pode queimar proteína para sobreviver, mas prefere carboidratos e gorduras; por isso, quando a alimentação é principalmente proteica, o metabolismo vai usar os carboidratos e gorduras que já armazenou. Além disso, a proteína é usada para formar e regenerar massa muscular!
La leptina es una proteína producida por las grasas que parecen desempeñar un papel importante en la gestión del almacenamiento de grasa en el cuerpo a través de señales cerebrales. Hace años, los científicos creían que los niveles más bajos de leptina aumentarían el apetito. Sin embargo, la investigación actual ha encontrado que hace exactamente lo contrario y disminuye el apetito. Hay pruebas claras de que los polifenoles del té verde (EGCG) son un factor en la depresión de la leptina, así como que afectan a otros niveles hormonales importantes en la regulación del apetito.
“El mensaje principal es que una dieta basada en vegetales puede ayudar a perder peso sin tener que contar calorías y sin el aumento gradual de su rutina de ejercicios”, dice Neal Barnard, MD, autor principal del estudio, el presidente del Comité de Médicos, y una profesor asociado adjunto de medicina en la Washington Escuela de medicina y Ciencias de la Salud de la Universidad George. “Esperamos que los proveedores de atención de la salud tomarán nota y prescribir este enfoque a los pacientes que buscan controlar su peso y la salud.”
Se isso soa dura ou mesmo irreal, considere a história do escocês. Lá em 1965, um escocês obeso de 27 anos e 205kg foi ao Departamento de Medicina em Dundee, Escócia, com um problema. Ele precisava perder peso. 1/8 de tonelada, para ser exato. Os doutores sugeriram que deixar de comer por alguns dias talvez pudesse ajudar. Era apenas uma recomendação improvisada, mas nosso escocês (conhecido apenas como "AB") realmente a adotou. Ele permaneceu no hospital por vários dias, tomando apenas água e pílulas de vitaminas enquanto se submetia a observações para garantir que nada de errado acontecesse. Quando seu tempo de internação acabou, ele continuou o jejum em casa, retornandoao hospital apenas para monitoramento regular. Após 1 semana, ele tinha perdido 2.2kg e se sentia bem. Seus sinais vitais foram chegados, a pressão estava normal, e apesar de ele ter glicemia mais baixa que a maioria dos homens, ele não se sentiu particularmente incapacitado por ela. O experimento continuou... por 382 dias.

Tudo levado em consideração, jejum é uma maneira efetiva de perder gordura corporal. Não é o único modo, e não é "obrigatório" para a abordagem primal, mas muitos na comunidade descobriram que é muito útil e a literatura os suporta. Se você está procurando acelerar a sua perda de gordura, jejuar pode ser o bilhete premiado. Para ter idéias, veja o meu artigo sobre vários métodos de jejum.
Quando você pensa em vegetariano, provavelmente a primeira coisa que pensa é em salada. A maioria das pessoas imagina a dieta vegetariana como sendo similar a dieta de alimentos crus. Isso não poderia ser mais distante da verdade. De fato, os vegetarianos aproveitam uma grande variedade de alimentos e pratos, a dieta é bem menos restritiva que outras dietas populares.

A autofagia (do Grego auto-, significa “próprio“, e phagein, significa “comer“) é um processo no qual o organismo se recicla a si próprio, garantindo a energia e “material” para o restauro celular. A autofagia é um processo fundamental na resposta do organismo ao stress, na eliminação de bactérias e vírus após infecções, no desenvolvimento embrionário e diferenciação celular e na eliminação de proteínas “danificadas” (fundamental para combater o envelhecimento e doenças associadas). A perturbação da autofagia está associada a doenças como a diabetes tipo 2, Parkinson, entre outras.


Ao tentar aplicá-los, Michael Mosley debateu-se com dificuldades como ter que fazer contas para marcar um jantar com amigos e decidiu criar uma versao mais "realista e suportável". "Apesar de a fome ser má, um pouco de restrição alimentar curta, intensa e de choque pode ter benefícios a longo prazo", diz o autor. O argumento tem origem num princípio biológico, a hormose, segundo o qual uma substância é tóxica em doses elevadas mas benéfica se elas forem pequenas.
Antes de começar a dieta, você precisa decidir que tipo de vegetariano quer ser. Alguns vegetarianos comem laticínios, enquanto outros eliminam todos os subprodutos animais do cardápio de sua dieta vegetariana. Se você optar por incluir laticínios, as diretrizes alimentares do governo de 2010 podem ajudar a determinar quantas calorias devem vir dos vegetais e quantas você pode consumir.

Atualmente o mercado de suplementação é muito amplo e completo. Porém, você deve tomar muito cuidado com produtos que custam muito mais do que valem, e principalmente com produtos cheios de químicas. Muita gente nos manda e-mail e comentário perguntando sobre termogênicos, então nós estamos fazendo algumas postagens sobre os mais conhecidos do mercado, talvez você possa se interessar:

É fundamental trocar periodicamente de treino, seja mudando completamente de exercícios ou aumentando a intensidade das séries que você já está acostumado a fazer, pois o seu corpo possui uma alta capacidade de adaptação. Se está a mais de um mês fazendo os mesmos exercícios todos os dias, você pode correr o risco de entrar num efeito platô e não conseguir queimar gordura corporal ou perder peso. Mantenha um diário de treino, para ter o controle dos exercícios que você faz mais frequentemente.

A refeição preferida dos brasileiros, composta por arroz, feijão, carne vermelha, café e pão francês - como mostrou a Pesquisa de Consumo Alimentar Pessoal no Brasil (IBGE) - está na berlinda: o novo "Prato da Alimentação Saudável" da Universidade de Harvard, lançado esta semana, condena o cardápio nacional. Os americanos privilegiam a dieta rica em grãos integrais, gorduras e proteínas saudáveis, o que quer dizer que os brasileiros estão comendo mais e mal, já que também adoram carboidratos refinados como lasanha, pizza e batata-frita, que só fazem engordar.
Faça treinamento aeróbico cruzado. Há duas coisas que você precisa evitar: platô e tédio. Os dois são péssimos de formas diferentes. Qual a melhor forma de combatê-los? Cross training – ou treinamento cruzado. Isso basicamente significa que você vai praticar várias atividades diferentes, enganando sua mente e corpo. Sua cabeça não pensa: "Ai, de novo?!" e seus músculos não ficam acostumados e param de trabalhar.
Quem costuma fazer dietas conhece muito bem estes ingredientes, por serem alimentos termogênicos, ou seja, que elevam a temperatura do corpo e aceleram o metabolismo. Ao misturar uma colher de café de gengibre picado e meio pau de numa panelinha com uma xícara de água e deixar ferver por dez minutos, estarão a preparar um chá que aumenta a sensação de saciedade, reduz o apetite e ainda estimula a queima de gordura. Pode-se fazer um chá utilizando somente um deles, mas juntando-os estamos a potenciar os seus benefícios!
×