Com o objetivo de avaliar o potencial da perda de peso de cada grupo, todos os participantes tiveram suas dietas limitadas a 500 calorias diárias, menos do que precisavam para manter o peso. Depois de seis meses, aqueles que seguiram a dieta vegetariana perderam, em média, seis quilos, contra apenas três quilos a menos naqueles que seguiram a dieta convencional.
De acordo com Sabrina, a carqueja é outra planta que pode auxiliar no processo de emagrecimento. “O chá é feito em infusão com as hastes da planta, possui um gosto amargo. Ela é indicada para auxiliar no emagrecimento por ter efeitos diuréticos e laxantes. Também é usada para combater problemas hepáticos, digestivos e no controle da diabetes”, diz.
Meio Ambiente: Sua temperatura corporal é estritamente regulada pelo hipotálamo em seu cérebro. Este termostato interno recebe sinais de receptores ao redor do seu corpo que detectam a temperatura. Quando a temperatura do seu corpo começa a diminuir, por exemplo, em resposta a temperaturas frias, o hipotálamo envia um sinal para os músculos se contraírem. Essas contrações musculares, ou tremores, ajudam a produzir calor e aquecer seu corpo. Assim, expor-se a um clima frio pode impulsionar o seu metabolismo através da termogênese.
Ao investir em uma dieta vegetariana tradicional, você automaticamente vai passar a ingerir alimentos naturais, que são ricos em nutrientes importantes, como vitaminas e fibras, mas extremamente pobres em calorias, o que vai implicar no emagrecimento. Fazendo essa dieta de forma controlada, você irá começar a perder peso de forma rápida e constante, desde que tenha muita disciplina e não caia nas tentações.
Planeje a ingestão de carboidratos. É nessa parte que as coisas ficam um pouco confusas, já que há muitas escolas diferentes de pensamento quando se trata desse assunto. A polêmica dieta de Atkins prega a eliminação de carboidratos, pois isso leva à queima de gordura, mas é insustentável e questionável por que recomenda que se corte 60% da energia preferida pelo corpo. Outras estratégias:

Ejercicios para la quema de calorías (al participar en actividades físicas), aumenta el metabolismo (como los niveles de energía se aumentan en hacer ejercicio físico) y aumenta la masa muscular (como el ejercicio desarrolla la masa muscular magra). Los polifenoles de catequina en el té verde parecen estimular el uso de ácidos grasos por el hígado y las células musculares. Esto reduce posteriormente la velocidad que utilizan los carbohidratos y permite más resistencia y tiempos de ejercicio más largos. De hecho, un estudio utilizando el extracto de té verde en ratas de laboratorio aumentó la cantidad de tiempo que los animales podían nadar antes de llegar a ser agotado hasta en un 24%.


Exercícios curtos de alta intensidade, nada mais são, como o nome diz, exercícios intensos realizados em um curto espaço de tempo, com um intervalo de descanso entre as séries. Um exemplo é fazer o Burpee por 1 minuto, descansar por 30 segundos, e fazer outra série de Burpees por mais 1 minuto. É muito importante respeitar o período de descanso, para que os seus músculos possam se recuperar. Assista ao vídeo abaixo e aprenda fazer o burpee passo a passo.
Chausse, um dos cientistas brasileiros dedicados a entender os efeitos da prática no metabolismo, levanta uma hipótese para explicar por que é tão penoso mantê-lo. “Em muitos estudos, o jejum incita o aumento nos níveis de neurotransmissores que estimulam a fome”, explica. Para a nutricionista Sophie Deram, autora do livro O Peso das Dietas (Editora Sensus), isso é totalmente compreensível. “Trata-se de uma defesa do próprio corpo para fazer você comer”, resume.
O chá verde ainda age na composição de gorduras no corpo. Estudo preliminares apontam que uma das catequinas mais presentes no chá verde, a epigalocatequina galato, estimula diversas enzimas que controlam o metabolismo das gorduras e até incentivam a quebra delas. Assim, as gorduras são melhores utilizadas pelo nosso organismo e não ficam paradas no tecido adiposo.
×